Praça da República e Praça do Carmo recebem serviços da Prefeitura de Belém

As praças da República, no bairro da Campina, e do Carmo, na Cidade Velha, receberam serviços de manutenção das áreas verdes, na manhã desta quarta-feira, 13. Entre as ações realizadas pela Prefeitura de Belém, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), estão roçagem e limpeza dos locais.

“Toda manhã eu estou aqui com o meu filho passeando. Eu sempre vejo esse trabalho sendo feito, a roçagem sendo feita. A praça está sempre limpinha, arrumadinha, sendo bem cuidada. Infelizmente, tem gente que não ajuda para que fique assim e acaba jogando alguma sujeira. Mas a gente tem visto a Prefeitura trabalhando aqui”, disse o professor Israel Coelho, que diariamente frequenta a Praça da República.

Jerônimo Cristo, que nasceu e foi criado no bairro da Cidade Velha, comentou que “a Praça do Carmo tá limpa e muito bem conservada”. Ele ainda ressalta a importância da limpeza na área. “É bom ver a praça sempre assim, bem cuidada”, destacou.

Manutenção – Ao todo, Belém, incluindo os distritos de Mosqueiro, Outeiro e Icoaraci, tem 399 logradouros públicos, entre praças, canteiros centrais, rotatórias, orlas e áreas verdes complementares. Periodicamente, são desenvolvidos nos locais trabalhos de manutenção de paisagismo, poda, roçagem e arborização.

Mais de 20 funcionários estiveram nas praças executando os serviços de manutenção. “A Semma está com operações em diversos pontos de áreas verdes da cidade, com roçagem, podas e manutenção de paisagismo das praças que durante tanto tempo não receberam as devidas atenções e cuidados que precisavam”, explicou o diretor do Departamento de Áreas Verdes Públicas da Semma, Kayan Rossy.

Ele afirma que diversas equipes, rotineiramente, estão “distribuídas pela cidade mostrando o compromisso da Semma para tirar a sensação de abandono sentida pela população, por longos anos. Essas áreas são fundamentais para os grandes centros urbanos e precisam de constantes cuidados e estamos dando as condições necessárias para que se reestabeleçam e integrem a paisagem da cidade”.