O que você procura?

Horto Municipal, um Pedaço da História de Belém

Era um período áureo da economia, o ano: 1897.

Alavancada pela explosão do comércio da borracha, Governo do Intendente Antonio Lemos desencadeou uma verdadeira mudança na cidade buscando torná-la harmônica ao estilo português e agradável aos belenenses da época.
Mudanças radicais na paisagem urbana foram implementadas no século IXI capitaneadas por Lemos, principalmente para atender as classes mais abastadas, que tinham a cidade como o centro financeiro da época.

Os novos componentes da alta sociedade surgidos com a riqueza do látex queriam luxo e sofisticação e a cidade era preparada olhando para esse público.

Preocupado com a preservação do verde em Belém e com a melhoria da paisagem urbana, o governo da época resolveu adotar áreas verdes e reestruturou o até então chamado Horto Municipal para cultivo de mudas para o plantio de arvores na cidade que expandia para longe do litoral.

A história do Horto Municipal confunde-se com a história da cidade e por esse motivo foi tombado pela Prefeitura de Belém em 1992 pela lei municipal nº 7580/92, quando passou a ser reconhecido como Patrimônio Histórico e Cultural da Cidade de Belém. Hoje o Horto Municipal chama-se Praça Milton Trindade, em homenagem ao Senador da República que lhe empresta o nome e se tornou mais um espaço de lazer da cidade.

A praça possui uma área totalmente cercada com parque para crianças, um pequeno lago, um jardim de plantas medicinais, um restaurante, bancos e mesas para jogos de tabuleiro. Além de muito verde com locais apropriados para uma boa leitura, piquenique ou passeio em família.